Os modelos de calças que toda mulher deve ter

   

Atualmente podemos usar modelos de calças que combinam com os mais diversos tipos de ocasião. Contudo, anteriormente, a calça comprida era uma peça de roupa vista como um símbolo de poder masculino.

Somente no final do século XIX que as mulheres começaram a usar calça comprida para se exercitar, já que atividades como andar de bicicleta, por exemplo, eram dificultadas com o uso de saias pesadas.

De início, as mulheres passaram a usar calças bufantes, que se assemelhavam à saias bifurcadas, mesmo sendo ainda bastante volumosas, essa mudança no vestuário já permitia uma maior liberdade de movimento.

A calça foi chamada de “bloomer” em homenagem à feminista Amelia Bloomer, que ficou conhecida por usar a calça comprida em busca de maior conforto no vestuário.

Modelo de calça "blommer" usado no final do século XIX por mulheres que desejavam praticar esportes.
Modelo de calça “blommer” usado no final do século XIX por mulheres que desejavam praticar esportes.

A inserção da calça comprida no moda feminina, certamente foi um ato de resistência das mulheres.

Imagine que elas chegavam até mesmo a serem agredidas e xingadas na rua por usarem “roupas de homem”.

Em Paris havia uma lei que determinava que mulheres estivessem vestindo calças em público podiam até mesmo serem presas. Para usar a peça, era preciso antes pedir uma autorização à polícia.

As nossas calça jeans femininas só começaram a surgir na década de 1960, quando as mulheres começaram a usá-las para trabalhar em minas. Como virou moda, as calças passaram a serem produzidas em grande escala nos Estados Unidos.

Jeans Seven For All Mankind
Jeans Seven For All Mankind

Somente na década de 1980, a calça feminina se popularizou em todo mundo. Foi nessa época que começaram a surgir diversas opções de corte, modelos, tecidos, cores e texturas.

Entretanto, ainda há países que abominam o uso das calças, como é o caso do Sudão que possui uma lei desde 1991 que prevê que este é um traje obsceno e a mulher que o usa comete crime passível de pagamento de multas e chicotadas em público.

Sabendo da grande preferência das mulheres pelas calças, muitas marcas de luxo possuem essa peça em suas coleções, como Calvin Klein, Chanel, Armani, DieselBalmain, Burberry, Bo.Bô e entre outras.

Se antes para as mulheres usar calça comprida era um ato de resistência, atualmente é algo comum.

Isso porque, as calças trazem para o universo feminino praticidade e elegância.

Os modelos e tipos de tecidos são diversos. Para arrasar em qualquer situação, veja 8 modelos de calças que toda mulher deve ter:

1. Skinny

As calças de modelo skinny são conhecidas por serem bem justas ao corpo. Esse modelo é ideal para ser usado no dia-a-dia e vai do trabalho à balada.

Este é um modelo mais sexy, que combina com blusas e camisetas mais soltinhas.

Do básico ao mais produzido, a calça skynni combina com camisas mais largas.
Do básico ao mais produzido, a calça skinny combina com camisas mais largas. (Fotos: Pinterest)

2. Cigarrete

A calça cigarrete é muito parecida com a skinny. A diferença está no comprimento (no estilo capri), já que este modelo faz com que a barra termine no tornozelo.

A modelagem cigarrete confere modernidade e estilo à produção e pode ser usada com sapatilhas, rasteiras, mocassins, tênis, botas e também saltos mais altos para looks mais elaboradas.

Naos modelos de calças cigarrete, o comprimento termina no tornozelo.
Naos modelos de calças cigarrete, o comprimento termina no tornozelo. (Fotos: Pinterest)

3. Boyfriend

Para as amantes de conforto e jeans, as calças no estilo boyfriend não podem faltar.

Essa modelagem traz referências do estilo masculino, com um corte mais folgado que vai afinando para o tornozelo, bastante parecida com o modelo “blommer” das primeiras calças.

A impressão que se passa é que a peça foi “roubada do namorado”, daí o nome “boyfriend”. Com esta peça é possível fazer looks básicos, mas cheio de estilo.

Com inspiração em peças masculinas, a calça boyfriend alia conforto, estilo e elegância.
Com inspiração em peças masculinas, a calça boyfriend alia conforto, estilo e elegância. (Fotos: Pinterest)

4. Pantalona

Sucesso na década de 1970, a calça pantalona continua sendo usada até hoje, mantendo o corte clássico.

Os modelos tradicionais são de tecido lido. Contudo, as calças estampadas no estilo pantalona também tem sido tendência entre as fashionistas.

O corte da peça é de cintura alta e comprimento longo, sendo o tecido solto no corpo.

A pantalona é perfeita para mulheres que desejam aliar o estilo ao conforto.

De tecido liso ou estampado, os modelos de calça pantalona são um sucesso desde a década de 1970.
De tecido liso ou estampado, os modelos de calça pantalona são um sucesso desde a década de 1970. (Fotos: Pinterest)

5. Flare

A calça flare é uma versão moderna das famosas “boca de sino”, que foram sucesso na década de 1970 com o estilo musical disco.

Este modelo é justo nas coxas e a partir do joelho vai alargando, semelhante a um sino. A modelagem é indicada para equilibrar tipos físicos oval ou triangular, já que a “boca de sino” faz o equilíbrio com o tamanho do quadril.

A calça flare pode ser em jeans ou outros tipos de tecidos que conferem um corte mais social, sendo indicadas para usar no trabalho e em situações que exijam uma produção mais elegante.

Jeans ou de tecido de alfaiataria, a calça flare compõe looks elegantes e modernos.
Jeans ou de tecido de alfaiataria, a calça flare compõe looks elegantes e modernos. (Fotos: Pinterest)

6. Pantacourt

A calça pantacout confere estilo e jovialidade ao look. Derivadas da pantalona, este modelo possui a cintura alta e uma modelagem mais folgada que termina na altura do joelho ou panturrilhas.

Para looks mais básicos, os modelos de calças pantacourt podem ser usados com tênis e sandálias. Contudo, elas também combinam com plataformas e sapatos mais altos.

Uma pantalona mais curta, a pantacourt é ideal para dias quentes que pedem produções leves.
Uma pantalona mais curta, a pantacourt é ideal para dias quentes que pedem produções leves. (Fotos: Pinterest)

7. Jeans destroyed

A calça jeans destroyed pode ser com recortes mais discretos ou com rasgos maiores. A influência desses modelos é a pegada punk e rock, dos anos de 1980 e 1990.

Essas peças fazem parte de um estilo urbano e básico. No entanto, podem ser combinadas com peças de tecidos mais finos e de alfaiataria, conferindo uma mistura de estilos bastante interessante.

As calças destroyed possuem uma pegada mais urbana, mas com muito estilo. (Fotos: Pinterest)

8. Cintura alta

A calça cintura alta voltou a ser tendência na moda e se tornou um dos modelos de calças mais usados pelas mulheres em todo mundo.

Na última década, os modelos de cintura baixa, que fizeram muito sucesso entre o final da década de 1990 e primeira década no 2000, decaiu e ficou sendo vista como “fora de moda”.

A calça cintura alta está entre a preferência por valorizar o corpo da mulher, já que deixa a cintura mais fina e o quadril delineado. Esta modelagem pode ser flare, cigarrete, destroyed, skinny, boyfriend, pantalona e pantacourt.

Em jeans ou tecido de alfaiataria, toda mulher tem que ter calças de cintura alta em seu guarda roupa.

As calças cintura alta estão de volta ao mundo da moda e, pelo que parece, por muito tempo
As calças cintura alta estão de volta ao mundo da moda e, pelo que parece, por muito tempo. (Fotos: Pinterest).

Como vimos, os modelos de calças são bastante democráticos, podendo ser usados em diversos tipos de ocasiões e mulheres de diferentes biotipos. Escolha aqueles que melhor combinam com seu corpo e estilo e arrase com essa peça coringa do guarda-roupa de qualquer mulher.

   

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here