black friday etiqueta única

A estilista italiana Miuccia Prada (10 de maio de 1949) é mais conhecida como Miu Miu, seu apelido de infância.

Miuccia é filha de Luisa Prada e neta mais nova de Mario Prada, artesão que fundou, em 1913, a marca Prada.

Em seu início e por muitos anos, a marca vendia somente artigos de couro, como bolsas e malas. Contudo, passou muitas décadas sem alcançar o status de marcas como Louis Vuitton e Fendi.

A entrada de Miuccia na Prada

Enquanto estudante, Miuccia deixava claro que não gostaria de seguir os negócios da família. Porém, em meados dos anos de 1970, ela passou a fazer parte da empresa.

A posse da Prada foi passada a Miuccia em 1985. Logo em seu início na empresa, Miuccia escolheu usar, ao invés do tradicional couro, o náilon Pocono, que até então era usado para fazer tendas militares.

black friday etiqueta única

Com esse material, a marca criou mochilas que foram sucesso instantâneo no mundo da moda, virando objeto de desejo, já que unia resistência, praticidade, utilidade e beleza.

Loja da Prada em Milão.
Loja da Prada em Milão.

Vivenciando o sucesso da mochila, que não parava nas prateleiras da loja, Miuccia teve a visão que o fim do século XX e início do XXI seria o fim da ostentação e que os consumidores estavam em busca de peças práticas e de qualidade.

Foi aí que vieram coleções com roupas básicas da Prada que priorizavam o corte, caimento e tecido. Já a estamparia das peças, buscava a inspiração nas artes plásticas.

Os acessórios também seguiam essa tendência de mudança de estilo. Em pouco tempo, o estilo Prada passou a ser copiado até mesmo por estilistas consagrados internacionalmente.

Uma nova forma de pensar a moda

Por na juventude ser atuante em movimentos estudantis e essa vivência fez com que ela quisesse fazer moda voltada para mulheres inteligentes, ousadas, modernas e bem informadas.

Este estilo era bem diferenciado do estilo da época, em especial do seu conterrâneo Gianni Versace, que incorporava na roupa um estilo mais sensual.

Miucci levou para as peças da Prada estilo e praticidade.
Miucci levou para as peças da Prada estilo e praticidade.

Em suas marcas, a estilista reinventou o conceito de belo e feminino. A carreira dela é marcada pela criatividade e por buscar sempre o diferencial daquilo que está sendo feito no mundo da moda.

Miuccia acredita que a marca vende porque agrega todos esses significados ao produto. Isso porque, a Prada foi transformada em uma ideia que vai além da experiência de consumo.

Editorial da Prada.
Editorial da Prada.

Atualmente, a empresa é um negócio que rende cerca de cinco bilhões de dólares por ano. Em sua história e com as revoluções que causou no mundo da moda, a Prada certamente contribui para que a Itália se tornasse um centro de moda tão importante como Paris.

O sucesso de Miuccia Prada

Com Miuccia à frente, a Prada se transformou em um império na produção de moda feminina, masculina, acessórios, roupas íntimas, roupas para caso e até mesmo cosméticos.

Anna Wintour, diretora de redação da Vogue americana, declarou que a Prada é o único motivo para assistir a temporada de moda em Milão.

Com uma carreira consolidada, Miuccia é um dos maiores nomes da moda de internacional. Além de ser Phd em ciência políticas, produtora de filmes e estudante de teatro e arquitetura. Não é à toa que ela é a oitava mulher mais rica do mundo da moda.

Miuccia Prada está à frente de um dos maiores impérios de moda do mundo.
Miuccia Prada está à frente de um dos maiores impérios de moda do mundo.

Em 2001, Miuccia Prada figurou a lista da Forbes como uma das 400 pessoas mais ricas do mundo e também foi incluída pelo Wall Street Jornal em uma lista de 30 mulheres mais poderosas da Europa.

A Prada está avaliada em cerca de US$ 4.716 bilhões e ocupa a posição número 94 no ranking das marcas mais valiosas do mundo.

A grife possui mais de 600 lojas ao redor do mundo, estando presentes em 70 países. No Brasil, a marca tem sete lojas espalhadas em cidades como São Paulo, Rio de Janeiro, Curitiba e Brasília.

Parceria nos negócios e no amor

Miuccia Prada é casada há mais de trinta anos com Patrizio Bertelli, que é CEO do conglomerado Prada, que inclui as marcas Miu Miu, Azzedine, Allaia e Helmut Lang.

Miuccia Prada e Patrizio Bertelli: Parceria de mais de 30 anos.

A estilista conheceu Patrizio, um jovem toscano que fabricava bolsas desde sua adolescência, em uma feira .

Após uma acusação de plágio dos modelos de bolsa dele, a parceria nos negócios e na vida começou.

O fenômeno por trás da revolução na moda é tímida

A mulher por trás do império Prada e que revolucionou a indústria da moda é tímida e considerada a personalidade mais reclusa do universo do luxo.

Miuccia Prada é conhecida no mundo da moda por não se expor.
Miuccia Prada é conhecida no mundo da moda por não se expor.

As entrevistas e poses para fotos são raras e Miucci até mesmo mal aparece na passarela no final dos desfiles.

Miu Miu: um conceito mais jovem para a Prada

Como uma das “filhas” da Padro, a marca Miu Miu, que recebeu esse nome por ser o apelido de infância de Miuccia Prada, se destaca por ser uma linha que preza pelo moderno e jovial.

Criada em 1993, a grife por ser mais acessível, rapidamente a marca caiu no gosto das mulheres antenadas com o mundo da moda.

Miu Miu: a marca com pegada mais jovem da Prada.
Miu Miu: a marca com pegada mais jovem da Prada.

As linhas de sapatos e bolsas são conhecidas por sua originalidade e designers exclusivos, que combinam com a personalidade de diversos tipos de mulheres.

Já os óculos, estão entre os acessórios de luxo mais cobiçados da marca, que também comercializa cintos, carteiras, pulseiras, colares e brincos.

A Fundação Prada

Logo ao entrar para a empresa do avô, Miuccia Prada chegou a declarar que ser estilista era uma coisa horrível para um feminista de esquerda (ela também era filiada ao partido socialista).

Isso a deixava triste e culpada, pois ela considerava que seu trabalho na Prada não era relevante para a sociedade. Por querer fazer algo no âmbito social aliada à moda, Miuccia quis levar suas ideias de mudanças sociais para dentro da empresa.

Foi aí que, em 1995, ela criou com o marido a Fundação Prada (Fondazione Prada), que está localizada em uma na região sul de Milão, que é uma área considerada como periferia.

No século XX, no local de 19.000 mt² onde está instalada a Fundação, funcionava uma destilaria.

A fundação tem espaços para mostras fixas e temporárias. Na área interna, há galpões divididos em salas de diversos tamanhos, onde há exposição do casal predominantemente de arte contemporânea.

A Fundação Prada foi criada em 1995 para incentiva as artes.
A Fundação Prada foi criada em 1995 para incentiva as artes.

Michelangelo Pistoletto, Piero Manzoni, Roy Lichtenstein, Yves Klein, Louise Bourgeois e Lucio FOntana são alguns dos artistas que possuem obras expostas na fundação.  As partes externas, que inclui os pátios e o bar são acessíveis sem o pagamento de bilhete.

Além disso, há um cinema de 200 lugares, onde são exibidos ciclos de filmes dedicados a grandes diretores do cinema mundial.

Seguindo essa tendência de valorização da arte, as lojas da marca também foram transformadas em centros culturais.

Linha do tempo

1913 – Criação da Prada por Mário Prada. A empresa confeccionava apenas acessórios de couro;

1919 – É inaugurada a primeira loja Prada, localizada na Galleria Vittorio Emanuele II;

1949 – Nasce Miuccia Prada, a neta mais nova de Mário Prada;

1978 – Miucci herda a Prada da mãe, Luisa;

1979 – Miucci lança a primeira coleção de sapatos Prada;

1980 – Miucci lança a Bolsa Prada Pocono e é um sucesso;

1983 – A Prada inaugura uma segunda loja, em Milão, em plena Via della Spiga, que é um ponto de referência europeu para produtos de luxo;

1985 – Miucci assume a Prada

1987 – Miucci casa com Patrizio Bertelli no dia 14 de fevereiro;

1988 – A Prada lança a primeira coleção de roupas;

1993 – Miucci cria a grife Miu Miu;

1994 – A primeira coleção de roupas masculinas Prada é lançada;

1995 – A Fundação Prada é criada com o objetivo de fomentar a arte;

1997 – Lançamento de uma linha de roupas e acessórios esportivos (Prada Sport Linea Rossa). Neste mesmo ano Naomi Campbell foi a primeira modelo nehra a abrir o desfile da marca;

2000 – A primeira coleção de óculos de sol Prada é lançada. Neste ano também a Prada entra faz sua entrada no mercado dos cosméticos;

2004 – Lançamento do primeiro perfume, o Prada Donna. Miucci ganha nesse ano o prêmio Council of Fashion Designers of America (CFDA);

2006 – Lançamento do Prada Amber, o primeiro perfume masculino. Ainda neste ano, o filme “O Diabo Veste Prada”, que menciona a grife foi lançado. Miuccia Prada chegou a declarar que não gostou do livro que a produção é inspirada, mas adorou o filme;

2007 – Em parceria com a marca coreana LG, a Prada inovou ao lançar o celular “PRADA Phone by LG”. A interface do aparelho foi criada pela Prada. O objetivo era associar a marca ao segmentos dos telefones que cada vez mais estava sendo associado ao estilo. No Brasil, o celular chegou a ser vendido por R$ 1.900,00.

2008 – Lançamento do Prada Butterfly, óculos que se tornou referência da marca por causa de suas proporções maiores que os tradicionais, que se diferenciava bastante dos lançamentos da época;

2009 – lançamento do Prada Transformer, que é um local para abrigas eventos culturais e desfiles de moda. Neste ano também foi lançada a segunda geração de celulares em parceria com a LG;

2010 – Lançamento da Prada Made In, que é um linha exclusiva de roupas feitas à mão;

2012 – A terceira geração de celulares Prada chega às lojas.

 

black friday etiqueta única

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here