Ermenegildo Zegna – a história da marca sinônimo de sofisticação

Foto de capa do post sobre a marca masculina Ermenegildo Zegna
  banner dia dos namorados  

Quando se fala em sofisticação e veracidade no mundo da moda masculina, o primeiro nome que surge é Ermenegildo Zegna. Trazendo a proposta de exclusividade e um caimento impecável em suas peças, a marca oferece mais de 350 opções de tecidos produzidos pelas mãos de artesãos da Suíça.

Os ternos são desenhados e produzidos sob medida e são reconhecíveis a qualquer distância pela sua estrutura e caimento, além de transparecer o luxo através de cada detalhe das peças.

A história da marca Ermenegildo Zegna

Foi em 1910 que a grande mente por trás do nome Ermenegildo Zegna começou a transformar uma pequena empresa têxtil de seu pai.

O jovem artista era o caçula de 10 irmãos e tinha apenas 18 anos de idade. O pequeno negócio fica localizado em Trivero, ao norte da Itália e o nome era Lanificio Zegna, que traduzindo para o português significa fábrica de lã.

O processo de transformação começa com a ousadia de Ermenegildo Zegna que tem a meta de estar entre os melhores do mundo, criando as melhores opções no mercado e podendo competir com os tecidos fabricados na Grã-Bretanha, que tem o título de melhores no ramo têxtil.

Ele queria que seus produtos pudessem atrair e atender a alta alfaiataria inglesa e com esse objetivo foi atrás dos melhores instrumentos, como a lã na Austrália, Nova Zelândia, Africa do Sul, Tasmânia e até na Mongólia em busca de cashmere.

A expansão de uma marca

O próximo passo de Zegna era levar o nome da sua marca para o mundo! Foi assim que se tornou o primeiro a assinar sua marca com o próprio nome.

E o jovem talentoso conseguiu adentrar no mercado através de produtos inovadores, um processo de produção cuidadosa, alta qualidade e contando com um marketing diferenciado que garantiu a divulgação da marca. Em uma das primeiras campanhas dizia: “Uma qualidade proverbial”.

Com um objetivo em mãos, Ermenegildo Zegna não se tornou apenas um dos melhores no ramo têxtil da Itália, mas como é sinônimo de qualidade pelo mundo todo.

Em 1932 abriu o Centro Zegna, que comporta um hospital, cinema, teatro, biblioteca e, inclusive, uma piscina pública. E com um trajeto turístico de 14km, o projeto foi ganhando investimentos.

Nesse mesmo ano, a marca conta com a Fundação Ermenegildo Zegna, que se direciona em projetos relacionados a cultura e a ecologia em vários locais do mundo. Em seis anos depois, a marca já alcançava uma exportação de produtos para 40 países.

O luxo em forma de grife

E foi com a administração da terceira geração da família, que a marca Ermenegildo Zegna se tornou uma renomada grife luxuosa.

Os filhos Aldo e Angelo assumiram os cargos de direção da empresa em 1960 e inovaram com as produções de alfaiataria em uma coleção de prêt-à-porter.

Foi a partir desse momento que a diversidade de produtos chegou para a grife italiana: com malhas de tricô, linhas esportivas e acessórios. Trazendo a opção dos ternos sob medida, mas também, ternos prontos para serem comercializados. Essa linha foi produzida em Novara, na Itália.

Abertura de novas franquias

Novas fábricas foram inauguradas que trouxeram para a marca uma expansão territorial, sendo elas na vizinha Espanha, Suíça e Grécia, apesar desta última ter sido fechada por falta de lucro.

E foi somente em 1980, em Paris e 1985, em Milão que a grife abriu suas próprias lojas. Com o aumento de produção e vendas, obrigou o grupo a levar a marca para campos estrangeiros.

Com essa necessidade, foram inauguradas filiais em vários países, entre eles estão: Estados Unidos, México, Espanha, Alemanha, Reino Unido e Turquia. Em 1989 foi apresentada a primeira loja no Japão e em 1991 na China, Austrália, Taiwan, Cingapura, Hong Kong e Coréia do Sul.

Primeira loja de Zegna no Brasil

Em 1998, Ermenegildo Zegna chega ao Brasil em parceria com a Daslu, sendo pioneira na descoberta de uma demanda riquíssima: a moda masculina.

A primeira localidade foi apresentada em São Paulo no Shopping Iguatemi, em 2001. A decoração é revestida pro luxo, contando com pedras israelenses no chão e luminárias alemãs.

Alguns anos depois a marca investe no lançamento de roupas íntimas, perfumes, acessórios em couro, óculos escuros e em uma coleção de roupas e acessórios voltada para o público mais jovem.

Hoje, a Ermenegildo Zegna trabalha com os seus ternos luxuosos, mas também tem uma linha mais casual, sem perder a sua personalidade elegante e única.

Ermenegildo Zegna é reconhecida pelo seu caimento único e impecável, que valoriza o corpo masculino. A marca está entre as mais desejadas e cobiças em todo o mundo, sendo usada por grandes astros de Hollywood, como Arnold Schwarzenegger, incluindo príncipes e importantes empresários que entendem o simbolismo de poder e luxo que a marca representa.

Um dos grandes ícones: Os ternos impecáveis

Zegna Su Misura foi criado nos anos 70, especialmente, atender os clientes que buscam por ternos sob medida, podendo escolher entre 350 opções de tecidos e diferentes modelos.

Em seguida, as medidas são enviadas para Suíça e preparado pelas mãos de dez artesões responsáveis, justamente, por um único terno.

A área de confecções era revestida de cima a abaixo com iluminação para que as costureiras possam identificar pequenos defeitos nos tecidos. O corte é feito por mãos e computadores para saiam com precisão milimétrica.

Cada terno tem um grande processo pela frente. São cerca de 180 fases de fabricação. Se for de alta-costura, essas etapas podem aumentar para 500.

São aproximadamente 35 mil peças sob medida que saem da Suíça, que refletem 10% do faturamento e 8% dos volumes da coleção.

A entretela que sustenta o paletó é feita de pelos de cavalos, cabra ou camelo. As mangas e os botões são pregados a mão e através das etiquetas computadorizadas é possível localizar em que etapa está a encomenda em Nova York, Japão, Tóquio e Brooklyn.

Um terno sob medida da marca pode chegar a US$ 22 mil e demora entre 45 a 60 dias para ficar pronto. E com toque especial e único, a etiqueta é personalizada com o nome do cliente.

A customização de cada peça

Em 2012, o Zegna Su Misura teve uma ampliação de possibilidades e trouxe aos clientes a oportunidade de customização das peças, sendo aberto o caminho para o usuário ir até as tecelagens na Itália e optar pela cor, fio e o padrão do tecido.

Depois dessa seleção, o tecido escolhido é fabricado, sendo possível ainda escolher mais algumas personalizações, como gravar o nome no verso dos botões. Essa escolha não é uma tarefa fácil, são cerca de 355 opções de tecidos, 200 gravatas e 200 camisas.

Esse reconhecimento mundial vem da qualidade dos produtos e também pela fabricação na própria marca, o que está ligado diretamente com os materiais de primeira linha que são utilizados. O Lanifício Zegna é conhecido mundialmente como um dos maiores compradores de seda em seu estado ainda puro, lã e cashmere.

O cuidado na escolha dos tecidos

A produção de fibras finas requer ainda mais cuidados e atenção dos criadores, desde preservação dos pastos até a nutrição dos animais e com essa importante questão. O Grupo Zegna fornece prêmios aos seus fornecedores.

O objetivo dos prêmios é garantir o máximo de comprimento e espessura mínima dos fios, que garante no resultado final a maciez do tecido. Todos os cuidados voltados para os animais proporcionam qualidade para o tecido de cada peça e traz esse reconhecimento mundialmente, garantindo a perfeição em forma de terno para compor o closet masculino.

View this post on Instagram

Backstage from the #ZegnaSS20 Fashion Show. #UseTheExisting

A post shared by Zegna (@zegnaofficial) on

A marca representa, além de qualidade, sofisticação para os vestiários masculinos, com exclusividade em seus tecidos e padrões. Com modelos tradicionais que compõe a marca e corte que é reconhecível de longe, trazem formalidade e um ar clássico para os ternos, casacos e jaquetas.

A tecnologia combinada com elegância

Trazendo a diversidade de produtos para a empresa, a marca também é composta por carteiras, pastas, sapatos mocassins e cintos, produzidos por couro de jacaré ou bovino.

Algumas das peças contém fivelas em ouro. Super moderna, a marca também investe na tecnologia como parceira na criação de produtos inteligentes. Um dos exemplares é a jaqueta Elements, que é produzida com puro cashmere ou lã de carneiro.

O tecido contém um polímero de membrana termo-sensível, que permite a identificação e adaptação à temperatura externa e que, automaticamente, se fecha com o frio e abre com está calor.

Outro produto participante da tecnologia é a Solar Jacket, que traduzindo significa jaqueta solar. Ela possui painéis na gola que é destacável e se transforma com a ajuda da luz do sol em energia capaz de recarregar aparelhos com entrada USB.

Ao longo da trajetória da marca, foram desenvolvidas mais de 32 opções diferentes de tecidos, como por exemplo, o Microsphere que foi inspirado no biomimetismo da flor de lótus, sendo impenetrável pela água e também por manchas de vinho, café e ketchup.

O traveller que é um tecido elaborado e produzido com uma lã extra fina e muito flexível, permite que o tecido não amasse.

Global Store EZ

Na famosa rua de Milão, Montenapoleone, que é recheada de lojas e marcas luxuosas como YSL, Prada, Versace, Dior, Cartier e Gucci, foi inaugurada oficialmente no dia 25 de outubro de 2007 a primeira Global Store da marca Ermenegildo Zegna.

A loja é estruturada em 700m² e construída em quatro andares, prezando pela sofisticação, utilizando-se de padrões e alusões que representem os tecidos produzidos pela empresa. Veja o vídeo da Global Store em Londres:

Foram utilizados em torno de 55 materiais diferentes na construção e decoração da loja, como madeiras, metais, mármores em tons de cinza e riscadas, que lembram as criações da marca. Esses tecidos se tornaram inspiração para o projeto desde 1910.

A Global Store não é um conceito utilizado apenas na Itália, pois também existem unidades em Los Angeles, Paris, Milão, Hong Kong, Tóquio, Londres, Xangai e Nova York. Em todas elas se encontram todas as coleções que esbanjam luxo e sofisticação da marca, desde coleções esportivas até as mais formais, não esquecendo dos acessórios, perfumes, roupas íntimas e sapatos.

Como rosto que representa a marca é o de Adrien Brody, seu estilo é nada mais do que sinônimo de Zegna. Em todas suas premiações que necessitam de roupa de gala, ele faz questão de estar vestido com peças da grife.

Além de Adrien, a marca também já estrelou campanhas com o ator Diego Luna, o modelo Ryan Burns e o músico Peter Cincotti.

A linha do tempo da Erenegildo Zegna

  • 1997: Inauguração da primeira Outlet em Nova York
  • 2000: Apresentação da Zegna Sport no mercado americano. A linha é composta por tecidos e roupas voltados para a prática de esportes. Itens como acessórios casuais e kits para os mais variados esportes com uma embalagem super personalizada também fazem parte dessa coleção. Uma das peças de destaque é a jaqueta para iPod, que pode ser controlado através de botões na manga do casaco.
  • 2003: Apresentação do primeiro perfume da marca, Essenza Di Zegna.
  • 2004: A Z Zegna foi lançada. Uma coleção voltada para o público mais jovem e que estavam antenados na moda. E dessa vez, Ermenegildo Zegna conta com uma estilista e leva a coleção para as passarelas da semana de moda de Nova York. Foi também o lançamento da primeira linha de sapatos da marca com uma parceria da Salvatore Ferragamo.
  • 2005: A Z Zegna lança o seu perfume. E nesse mesmo ano a marca faz parceria com De Rigo e lança a primeira linha de armações e óculos escuros.
  • 2007: A Zegna Intenso é lançado oficialmente. Foi nesse ano também que foi lançado a primeiras linhas de roupas íntimas, compostas por pijamas, meias e cuecas.
  • 2009: Apresentação do perfume Zegna Colonia. Também em 2009, aconteceu o lançamento do Limited Edition Ermenegildo Zegna, que é um sapato em couro e com solado vulcanizado. Com apenas mil exemplares comercializados pelo mundo, o sapato vinha com em uma caixa especial, saquinho de camurça e kit para engraxar.
  • 2010: Apresentação da marca para o mundo virtual, lançando produtos para serem comprados online em exceção com os ternos. Zegna Forte, que é um perfume da marca foi lançado também nesse ano. Para comemorar o centenário da marca, foram fabricados cerca de 20 ternos com um grande diferencial: com lãs de fios merinos (mais finas). Um dos ternos foi vendido para um bancário paulistano por R$ 40.000 reais.
  • 2012: Apresentação de cinco perfumes da coleção Essenze by Ermenegildo Zegna.
  • 2013: Foi a vez da coleção Trivero ser lançada no mercado. Ela foi criada com a parceria de Omas, uma marca renomada em canetas artesanais. A linha é composta por três caneta que trazem a elegância e sofisticação de uma maneira discreta, sem deixar de ser significativa, sendo a caneta esferográfica, caneta de pena e rollerball.
  • 2014: Apresentação do perfume Haitian Vetiver e o lançamento da “Cities Around the World”, que é uma linha de acessórios criada com a inspiração de grandes cidades do mundo. Os itens eram compostos por lenços de bolso, carteiras, porta passaportes e gravatas. Como um ícone de Ermenegildo Zegna, as gravatas era produzidas a mão com sedas selecionadas e com a ajuda de telas, com o objetivo de criar detalhes e impressões vivas e cheias de cores.
  • 2015: Lançamento de uma coleção especial de roupas de couro fino e apetrechos para homenagear os modelos de carro Quattroporte e Maserati Ghibli. Nessa coleção foram incluídas luvas, carteiras, óculos, porta-chaves, bolsas, sapatos e jaquetas, que foram produzidas pela mesma matéria-prima que foram usados nos automóveis, em ênfase no couro aliado com silk skin, que é um tecido produzido com algodão egípcio e seda chinesa.

A marca atualmente

Como uma grande potência mundialmente reconhecida, a marca nos dias de hoje tem 530 unidades próprias, sendo seis das lojas no Brasil e atua em mais de 100 países. O seu faturamento chegou a €1.21 bilhões em 2014, sendo 90% revertidas de vendas à exportação. Na China existem 100 lojas e é hoje um campo vital para seu faturamento.

A grife gera cerca de 2.3 milhões de metros de tecidos, que são comercializadas para as mais importantes marcas de luxo no universo do vestuário masculino. São 1.75 milhões de acessórios, 1.6 milhões de roupas esportivas e 600.000 mangas de camisa.

Curiosidades sobre a marca

Assim como acontece com toda grande Maison, a marca tem algumas curiosidades que valem a pena conhecer, veja:

  • As compras da empresa são codificadas, onde a marca pode localizar quem é o cliente, em qual lugar comprou e se ele comprou pela segunda vez.
  • O pequeno negócio da família surgiu quando Michelangelo Zegna, o pai do jovem empreendedor, se casou pela segunda vez e ganhou como dote seis modestos teares.
  • A grife italiana fundou o Oasis Zegna, que é uma reserva florestal particular que é estruturada por 100 km², sendo possível praticar esportes ao ar livre.
  • Atualmente são 11 herdeiros da quinta geração da família, que estão com 15 a 31 anos. Quase todos estudam no exterior e outros já trabalham em outras organizações. Para quem quer entrar nos negócios da família é preciso ter no mínimo dois anos de experiência e passar por um processo de orientação, que é o comitê familiar.
  banner dia dos namorados  

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here