Consumo Consciente: Aprenda como praticá-lo!

Capa do post sobre consumo consciente.
  Banner de sale do mês de Setembro 2019 do Etiqueta Única.  

Recentemente, o mundo da moda passou a ter inúmeras preocupações além de tendências: a sustentabilidade, o consumo consciente e como seus produtos estão impactando o mundo.

A indústria têxtil é a segunda mais poluente do planeta, responsável pela emissão de 10% de emissões de carbono na atmosfera, além de gerar uma grande quantidade de resíduos. Ela vem enfrentando sérios problemas ambientais, que além do carbono, envolve desperdício de água (uma calça jeans gasta aproximadamente 3.400 litros de água para ser confeccionada), de energia e produtos químicos no processo de produção de fibras.

Gif das personagens Serena e Blair de Gossip Girl

Quando falamos em consumo consciente, precisamos primeiramente entender o que significa o conceito de moda circular e como ela é muito importante e vital para tal prática.

O que é Moda Circular?

O conceito de moda circular baseia-se nos princípios fundamentais da economia circular e do desenvolvimento sustentável, que seriam: Preservar e aumentar o capital, otimizar a produção de recursos e fomentar a eficácia dos processos. A partir destes princípios, ela se diz respeito ao ciclo de vida de um produto, ou seja, desde o seu design até o final de sua vida útil, passando por sua produção e o usuário.

Ele foi primeiramente introduzido na primavera de 2014, um momento em que o temo sustentabilidade estava presente na pauta de agendas políticas e ambientais na Europa. Uma das precursoras foi Anna Brismar, chefe e dona da empresa de consultoria sueca Green Strategy, que o apresentou em um projeto para organizar um evento sobre moda sustentável em Estocolmo, além da equipe de sustentabilidade da cadeia de lojas, também sueca, H&M.

A moda consciente questiona a maneira em que as roupas são feitas, usadas e reutilizadas. Atualmente, é possível reciclar cerca de 90% das peças de vestuário, calçados e acessórios descartados, mas apenas 15% são de fato reutilizados.

Modelo de como é a moda circular.

 

Novo Perfil de Consumidor

Com as mudanças climáticas e os impactos cada vez em maior escala no meio ambiente, os consumidores começam a ter novos anseios e preocupações no seu comportamento de consumo. Segundo Margarida Lunetta, gerente de transformação circular do Instituto C&A:

“A conexão direta e afetiva que nós consumidores temos com nossas roupas fazem com que as pessoas, especialmente as mais jovens, tornem-se cada vez mais sensíveis aos impactos do setor – seja no meio ambiente, seja na vida dos/as trabalhadores/as dessa indústria. Muitos consumidores querem se relacionar com marcas que se posicionem com relação ao assunto e que estejam transformando essa realidade.”

Ainda segundo Margarida, as empresas e marcas têm responsabilidade no trabalho consciente em relação ao comportamento de consumo e os produtos feitos e vendidos por elas. Seus consumidores devem entender seu papel na hora de consumir e serem educados na prática do consumo consciente.

Consumidores nas ruas fazendo compras.

Tecnologia como Aliada

Com a grande necessidade de se pensar numa moda sustentável, diversas tecnologias emergentes se tornaram motores para o desenvolvimento de modelos de negócio que contribuam para uma economia circular, além de impulsionar novos processos, canais de comunicação e formas de trabalho, permitindo um melhor uso dos recursos totais de produção e desenvolvimento econômico.

Post sobre Consumo Consciente.

Consumo Consciente

Com esta mudança no comportamento dos consumidores o conceito de consumo consciente vem se tornando mais forte a cada dia. Este movimento não é necessariamente sobre escolher um produto eco-friendly, mas sim sobre ser consciente sobre o que se está comprando, além de estimular o consumidor a refletir sobre a utilidade da roupa no dia a dia e sobre o tempo de vida das peças que tem mesmo buscando seguir as tendências sazonais da moda.

Moda Consciente.

Uma das formas de praticar o consumo consciente e sustentável é consumir produtos second-hand e desapegar das peças que estão paradas no seu guarda-roupa.

O Etiqueta Única está comprometido em promover uma economia de moda circular da forma mais cômoda e fácil para você e desapegar de suas peças conosco é uma maneira de fazer parte dessa missão! Vender suas peças significa manter itens de luxo em circulação, estendendo o tempo de vida de cada peça e contribuindo para a economia sustentável.

Já pensou em desapegar das suas peças? É super fácil e o Etiqueta Única faz tudo por você! Saiba como vender suas peças sem sair de casa!

  Banner de sale do mês de Setembro 2019 do Etiqueta Única.  

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here