Burberry lança coleção-capsula 100% Eco-Friendly

Capa do post sobre a ReBurberry Edit
   

A sustentabilidade é um dos assuntos mais importantes atualmente, e não se trata apenas de cuidar do meio ambiente, mas também de estarmos mais conscientes do que e de quem consumimos.

Empresas de moda têm tido a preocupação de tomar medidas se tornem mais sustentáveis, seja adotando novas matérias primas ou ações que assegurem que suas produções tenham menor impacto no meio ambiente (tendo em vista que a indústria têxtil é a segunda mais poluente do planeta).

Depois de diversas marcas, como a Prada, anunciar medidas e objetivos para se tornarem mais sustentáveis, foi a vez da marca inglesa Burberry anunciar mais uma de suas ações a fim de se tornarem eco-friendly: uma coleção-cápsula feita à partir de materiais sustentáveis, confiram mais:

ReBurberry Edit

Visando um futuro mais sustentável, a marca britânica anunciou recentemente que irá lanças uma coleção-capsula eco-friendly. Batizada de ReBurberry Edit, a coleção irá contar com 26 looks que fazem parte de sua coleção de verão 2020, que foram criadas exclusivamente com materiais sustentáveis, tais como retalhos, plásticos industriais, fibras nacionais, entre outros materiais reciclados.

Levando a sério o compromisso de se tornar uma marca mais verde, as peças da ReBurberry Edit irão trazer uma novidade: cada artigo irá trazer consigo uma etiqueta verde pistache que irá informar todas as suas credenciais sustentáveis, como emissão de carbono e suas compensações, porcentagem de fibras recicladas presentes na peça e até políticas sociais, como o salário mínimo dos funcionários envolvidos na confecção do modelo.

Em um primeiro momento, estas etiquetas estarão presentes apenas na coleção-capsula, mas a marca tem como objetivo que esta ação englobe todas as suas peças até o ano de 2022.

O projeto da ReBurberry não irá se ater apenas a coleção-cápsula, a intenção da marca inglesa é que, ao decorrer do tempo, a edição eco-friendly englobe peças icônicas da marca, como trench coat e até mesmo acessórios, como óculos escuros, que serão produzidos com acetato biológico.

Já as peças de coleções prêt-à-porter, ganharão versões em Econyl, um nylon reciclado confeccionado à partir de redes de pescaria e plástico industrial.

Em um comunicado oficial, Pam Petty, vice-presidente de corporate responsibility da Burberry, disse:

“Ao convidarmos nossos clientes a aprenderem mais sobre as credenciais sustentáveis de nossos produtos pelo nosso programa de etiquetas, estamos os ajudando a melhor entender nossas iniciativas e o tamanho das ambições de nossa agenda de responsabilidades.”

Metas Sustentáveis

No entanto, esta não é a primeira ação sustentável tomada pela marca inglesa. Há um pouco mais de um ano atrás, em março de 2019, a label anunciou que seu compromisso em se tornar uma marca cada vez mais sustentável e se alinhar com o zeitgeist da indústria da moda e seu impacto no ambiente, estava firme.

Após anunciar que não iria mais usar peles verdadeiras em suas peças, que iria aderir o uso de energia renovável em sua produção e o fim de práticas de queima em excesso de seu estoque de produtos, a Burberry prometeu o fim de uso de plástico em todas as suas embalagens até 2025.

A marca também tem como objetivo se tornar carbon neutral (ou seja, neutralizar as emissões de carbono), além de reavaliar seu lixo e impactar positivamente seus clientes. Outras promessas são as de substituir seus cabides, capas e sacolas que possuem poliuretano por versões mais eco-friendly, além de lançar uma ação de retorno de cabides para serem reutilizados ou reciclados.

Sapato Burberry

Suas capas de chuva para sacolas terão em sua composição, pelo menos, 30% de plásticos orgânicos, além de serem compostáveis até o final de 2019. Além disso, todas as embalagens plásticas serão reutilizáveis, recicláveis ou compostáveis.

A Burberry já começou a colocar em prática algumas das medidas sugeridas, como  a eliminação do forro plástico do interior de suas sacolas e capas de poliuretano de suas peças e já começou a ver resultados: apenas estas duas medidas fez com que o uso de plástico da marca inglesa diminuísse em 29 toneladas.

A fim de atingir estes objetivos, a marca se aliou à Fundação Ellen MacArthur, que vem pesquisando alternativas biológicas e sustentáveis. Estas novas metas foram anunciadas quando foram apresentadas suas novas embalagens feitas em papel a partir de copos de café reciclados, uma parceria com a Cupcycling. Com isso, mais de 11 milhões de papelão foram reciclados.

O que acharam da nova coleção da Burberry e de suas metas para se tornar mais sustentável? Nos contem nos comentários!

   

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here